CONTADOR DE HOMICÍDIOS 2014

Águas Belas - 05
Angelim - 02
Bom Conselho - 08
Brejão - 01
Caetés - 06
Calçado - 01
Canhotinho - 10
Capoeiras - 05
Correntes - 05
Garanhuns - 24
Iati- 03
Jupi - 04
Jucati - 02
Lajedo - 15
Lagoa do Ouro - 02
Palmeirina - 03
Paranatama - 00
Saloá - 02
São João - 06
Terezinha - 02

BLOGS E SITES PARCEIROS

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Na tarde desta quinta-feira (16), as Equipes de Policiais Civis das Delegacias de São João e Canhotinho cumpriram um mandado de prisão contra Manoel Figueiredo de Lima. O mandado foi expedido pela autoridade Judicial da Comarca de São João onde o elemento foi condenado por sentença penal transitado em julgado pelo crime de furto qualificado. De acordo com a sentença, Manoel Figueiredo deverá cumprir 4 anos de Reclusão no Presídio de Canhotinho onde atualmente reside.

No momento da prisão Manoel Figueiredo de Lima se encontrava trabalhando em sua barraca de Caldo de cana quando foi surpreendido pelas duas Equipes de Policiais Civis. Ele tentou empreender fuga, mas, foi contido, algemado e conduzido a Delegacia de São João em seguida a autoridade Policial determinou o seu recolhimento para o Presídio de Canhotinho. Na Delegacia Manoel Figueiredo de Lima relatou que se envolveu juntamente com mais dois comparsas em um furto de um veículo na Cidade de São João.

Compartilhe   

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Uma idosa de 90 anos foi agredida pelo filho de 58 nesta quarta-feira (15) no sítio Oitenta na área rural de São João. Segundo informações da polícia, o acusado Zelito Manoel Pereira, tentava bater na própria mãe e agredia a mesma com palavras de baixo calão, em estado de em o acusado foi conduzido a Delegacia de Polícia para as medidas cabíveis.

Compartilhe   

segunda-feira, 06 de outubro de 2014

motoUma colisão durante a tarde desta segunda-feira (6)  na Av. Júlio Brasileiro, no bairro de Heliópolis em Garanhuns no Agreste deixou um motociclista morto. O condutor de um  Corsa, bateu na traseira da moto e o piloto foi arremessado a alguns metros, o Corsa ainda colidiu com um caminhão F-4000 que ficou em cima do canteiro da via.

f4000A vítima, João de Oliveira de 30 anos, moradora da Rua Barão de Nazaré, bairro da Brasília em Garanhuns foi socorrida com vida para o Hospital Regional Dom Moura, passou por uma cirurgia, não resistiu e morreu.

joão oliveira acidente em garanhuns agresteviolento.com.br João era suplente de vereador na cidade de São João onde mantinha um programa na Rádio Areia Branca.

O corpo foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), em Caruaru.

Compartilhe   

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

De acordo com informações da PM, por volta das 19h20m de quarta-feira (17), dois elementos em uma moto Twister de cor amarela, assaltaram um estabelecimento comercial na Rua Olegário Valença, bairro planalto em São João.

A vítima informou à polícia que um dos meliantes se encontrava com uma arma branca/tipo punhal e levou uma quantia em dinheiro.

Policiais militares fizeram diligência na área para localizar os assaltantes, porém, sem êxito.

Compartilhe   

segunda-feira, 08 de setembro de 2014

O domingo (7) foi marcado pela violência na região a Agreste de Pernambuco.

GARANHUNS - Dois homens bebiam no bairro do Magano, quando se desentenderam, Gilberto Barbosa Junior, armado com um revólver efetuou disparos contra Moises Siqueira Calado de 27 anos, o estudante foi atingido na perna e socorrido para o Hospital Regional Dom Moura onde recebeu atendimento Médico.

BOM CONSELHO – No Distrito de Rainha Isabel, Antônio Ferreira de Oliveira de 32 anos, foi separar uma briga em um bar e foi lesionado a golpes de facão, o acusado conhecido por José Maria, fugiu e não foi localizado.

SÃO JOÃO – Um agricultor voltava de um forró durante a madrugada, quando dois homens armados de faca peixeira o atacaram, a vítima Washington Silva Matos de 21 anos, foi atingido por aproximadamente 20 golpes, o rapaz foi socorrido em estado grave para o Hospital Regional do Agreste em Caruaru.

Compartilhe   

sábado, 30 de agosto de 2014

A Central de Operações do 9º Batalhão de Garanhuns informa que na manhã desta sexta-feira (29), um agricultor de 43 anos foi encontrado morto na Rua Maria de Lourdes no bairro Planalto, a vítima Ivanildo Vicente Ferreira de 43 anos, foi encontrado já morto pela esposa, a mulher contou que chegou em casa e o encontrou já sem vida, ainda segundo relatos da mulher o esposo sofria de problemas cardíacos. A Polícia ainda informou que o corpo não apresentava nenhuma lesão, sendo o mesmo encaminhado ao IML em Caruaru.

Compartilhe   

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Policiais civis da Delegacia de São João – PE, sob o comando da Delegada de Polícia Maria das Graças Alves Canuto apreenderam, na tarde desta segunda-feira (25), um adolescente de 17 anos de idade, apontado em um procedimento especial como autor de ato infracional descrito como roubo qualificado (ato infracional quando há o emprego de violência ou grave ameaça). Os Policiais tiveram dificuldade para apreender o adolescente, pois na residência onde ele estava, havia cerca de 10 homens bebendo com ele. Essas pessoas tentaram impedir o cumprimento do mandado, escondendo o jovem dentro de um quarto.

O adolescente é considerado perigoso e violento. Ele cumpria medida sócio educativa na FUNASE e já estava no regime semi-aberto de onde aproveitou para fugir.

Após a sua fuga foi decretado o mandado de busca e apreensão pela Vara Regional da Infância e da Juventude da 10ª Circunscrição.

Compartilhe   

domingo, 24 de agosto de 2014

José MariaMeus profundos sentimentos aos que perderam a vida no acidente do dia 13 de agosto. Fica um imenso vazio entre os seus. Entristece a tantos outros cujas esperanças igualmente caíram neste dia. Nessa ocasião, como não comungar das palavras do pastor John Donne citado em Hemingway: “A morte de cada homem diminui-me, porque eu faço parte da humanidade; eis porque nunca pergunto por quem dobram os sinos: é por mim”. Ou do grande acadêmico José Cândido de Carvalho: “Quem morreu, não foi ele. Foram as coisas, que deixaram de ser vistas pelos seus olhos, os objetos que sua mão não mais toca. Todos estão defuntos”. A dor é figadal, mas não há o que fazer diante do inevitável destino reservado ao homem desde o nascituro: MORRER. Numa relação de complementaridade, a morte caminha lado a lado com a vida. Trágica/Severina ou de outra forma, indiferente e indistintamente, ela chega. No plano terrestre, nem toda morte tem igual peso. Uns parecem transcender a mera condição humana. Fica o legado que o imortaliza. Posto isso…

DP traz matéria sobre o número de homicídios ocorridos no primeiro semestre de 2014, crescendo quase 10% em relação ao mesmo período do ano anterior. Foram 1753 contra 1600. Chama a atenção o mês de junho com aumento de quase 25% comparado ao de 2013: 308 para 247. Abril e maio já haviam registrados aumentos significativos com percentuais de 21% e 18%. Diante de tanta negatividade se conclui: ERA UMA VEZ. E no mesmo dia da matéria com os números negativos da violência, o JC trouxe um alerta para a cidade de Altinho no agreste do estado. A cidade virou “Terra sem lei”. Não existe mais delegado, e nem policiamento. A delegacia foi fechada. Assaltos e outros delitos se sucedem e à noite os moradores se recolhem. Sem um estado que a abrigue, a população indignada resolveu fazer justiça à moda faroeste: com as próprias mãos. Um homem suspeitou de roubo foi espancado. Retrato de um ESTADO VACANTE. O mesmo JC trouxe matéria divulgando mudanças em órgãos das instituições policiais com a finalidade de que o quadro não recrudesça mais ainda, é a dança das cadeiras. Reação do governo ao descontentamento com o surto da violência no primeiro semestre do ano. O tempo urge.

Quase certo que tudo se explique pelo tratamento a que foi submetido o servidor policial. Ele que acreditara na promessa de ser reconhecido pelo seu empenho, hoje se vê na situação de ignorado. O resto de governo que sobrou faz parecer que a categoria nem existe. Movimentações para que lhe fosse acenado um aumento que restituísse sua dignidade — mais do que qualquer um outro profissional, tem sua vida em risco permanente —, em nada resultou. Categorias consideradas dependentes do servidor policial nem precisaram se movimentar, advindo o reconhecimento e tudo a despeito da lei eleitoral/responsabilidade fiscal e desculpas outras. Agora em janeiro receberão seus contracheques com valores bem corrigidos, míseros 150%, 200%. Para o servidor policial há de se iniciar uma nova negociação, ou uma nova LUTA (quase literalmente), o governo precisando ser convencido do justo que é reconhecer o trabalho do profissional de segurança, área delicada onde o país e o estado são constantemente alvos de críticas em relatórios da comunidade internacional. Para alguns especialistas, fundamentalmente o problema passa pela União. Deveria chamar para si a responsabilidade como fez na educação, subsidiando o salário dos professores. Promessa de campanha da então candidata Dilma Rousseff no seu primeiro mandato, as PEC’s das polícias foram engavetadas. Resolveriam o problema, acabando de vez com essas manifestações que culminam em estado grevista. O direito de greve é garantia do servidor público, mas como o Congresso Nacional ainda não regulamentou esse direito, faz valer as mesmas regras do setor privado, vedando o referido direito a grupos armados, os policiais. Ninguém desconhece. A ele infelizmente se recorre pelo DESCASO das autoridades ante um problema que perdura. Paralisação das polícias e sem demora se manifestam com pronta argumentação de ilegalidade. Nem ao direito comum a todos e garantido pela Carta Magna — como o de reunião, no qual se inclui a passeata — querem vê-lo exercido pela categoria. Recentemente, policiais do estado se utilizando desse direito levaram ao governo e ao povo pernambucano (mostrou solidariedade) sua indignação. Para espanto de um estado democrático de direito, fizeram uma leitura de um quadro subversivo e atentador das autoridades constituídas. Nem na China.

Um novo governo se anuncia. Renovam-se as esperanças. Que a preocupação primeira e maior seja com o servidor público. É O PRINCIPAL AGENTE DE TRANSFORMAÇÃO. Pouco adianta um meio provido com um profissional insatisfeito. Nem sempre o inverso é verdadeiro. Mas chega de discurso. É preciso comprometimento. Serviço público de qualidade necessariamente passa por um profissional valorizado. Ou inevitavelmente se cairá naquele bem conhecido jargão: o estado finge que paga e o servidor finge que trabalha. O resultado? Tem-se aqui uma amostra que não se via. Têm-se nas Alagoas da vida.

José Maria/Cidadão.

Compartilhe   

sábado, 23 de agosto de 2014

Homicidio em São joão 22-08-2014Um jovem de 16 anos foi assassinado na manhã desta sexta-feira (22). O crime aconteceu no sítio Matão na zona rural do município de São João, Agreste de Pernambuco. De acordo com a polícia, a vítima foi Adriano da Silva. Ele trafegava em um cavalo no referido sítio, quando foi alvejado por disparos de arma de fogo que atingiram a região da cabeça. O animal também foi atingido pelos disparos.

Segundo populares, por volta das 8h eles ouviram três disparos de arma de fogo e ao verificar o ocorrido encontraram a vítima caída ao solo já sem vida.

Familiares do jovem informaram à polícia que o adolescente negociava com animais e não tinha problemas com ninguém daquela região.

O fato inusitado é que ninguém acionou a polícia naquele momento, por volta das 17h30m foi que a comunicação do homicídio chegou até a Polícia Civil que deu início as investigações.

A equipe da Delegacia de São João esteve no local junto com a Polícia Militar e o corpo foi removido pelo efetivo do Corpo de Bombeiro que compõem a viatura do IML, para a cidade de Caruaru.

Compartilhe   

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Tarcísio da Silva SouzaPoliciais da Delegacia de São João prenderam nesta quinta-feira (14), Tarcísio da Silva Souza, a prisão do elemento aconteceu em cumprimento a mandado de prisão expedido pela comarca de Bezerros/PE, onde responde a processo por furto qualificado de uma motocicleta, de acordo com informações da polícia o elemento não comparecia as audiências.

Tarcísio foi surpreendido em casa enquanto descansava e não teve tempo de reagir à prisão.

Compartilhe